terça-feira, janeiro 26, 2010

Ironias da Evolução dos Tempos

Honório também mudou com os tempos, agora não consegue andar sem o seu fato completo, na sua tarefa de meio tempo que lhe oferece alguns "degraus" para a longa viagem para o céu.

Antes vendia bíblias, agora oferece-as, dantes recebia uma percentagem das vendas, agora recebe um prémio pelas ofertas.
Mas não pensem que a sua tarefa é mais fácil. Cada vez há menos gente que queira receber como presente a bíblia, mesmo de graça.
As coisas só melhoraram um pouco, quando Saramago lhe chamou "Manual de Maus Costumes".
Percebeu pela primeira vez que as pessoas gostavam mais de livros de maus costumes que de obras com histórias exemplares. Sim, que para Honório, a Bíblia é o melhor dos livros.
A fotografia é de Elliot Erwitt.

(Talvez esta história seja desenvolvida e entre num dos livros de contos que vou escrevendo, com e sem vento...)

7 comentários:

  1. Espera-se que exista desenvolvimento com rajadas fortes e grandes acalmias ;)

    ResponderEliminar
  2. a cada um o seu lugar no mundo. ainda que esse mundo seja um lugar de paradoxos.


    e tenho a certeza que será uma história muito bem convertida.

    ____

    beijos Luís

    ResponderEliminar
  3. tenho sempre uma bíblia na mesinha de cabeceira. abro-a uma ou duas vezes por ano, como que para lavar a alma... é um bom detergente...*

    beijinho grande, luís.

    ResponderEliminar
  4. lá vem o mundo estranho, Maré...

    ResponderEliminar
  5. já lhe tinha ouvido vários adjectivos, Alice, não o de detergente.

    mas se tu o dizes...

    ResponderEliminar