sexta-feira, novembro 18, 2011

Não Sei Porquê...


Não sei porquê, mas sempre preferi fotografar lugares sem gente. É, sempre preferi os candeeiros às pessoas.


Em parte isso deve-se à minha falta de jeito para explorar a componente humana, sinto sempre que estão a mais na fotografia.

Por outro lado também tenho pouca paciência para ficar à espera do "passarinho". E a paciência é uma qualidade básica para se ser bom fotógrafo...

Esperar é mais que uma virtude para quem tira retratos, muitas vezes é o segredo de uma fotografia única. Tanto se pode ficar à espera do Sol, como da Sombra, ou até de um sorriso, ou de uma distracção.

Embora acredite muito no "click" de momento, sei que a sorte é uma coisa tramada, dá sempre um bocado de trabalho...

22 comentários:

  1. Também não sou fotógrafa nem paciência tenho. Mas esta fotografia está espectacular!

    Beijinho, Luís.

    ResponderEliminar
  2. Eu gosto de fotografias com pessoas :) no entanto, quando sou eu a tirá-las, e tenham ou não pessoas, numa grande percentagem, não ficam lá muito bem...
    Esta fotografia ficou super bem (mesmo sem uma ou duas pessoas, ao lado do candeeiro :)
    um beijinho

    ResponderEliminar
  3. Ora...aí está: é-me muito difícil fotografar pessoas...
    Gosto, mesmo sem nada saber s etécnicas ou do que quer que seja, de fotografar paisagens, flores, bichos, pedras, ...portões...
    Pessoas...não é por falta de paciência...é falta de jeito, mesmo.

    essa foto aí está uma maravilha...
    Quem me dera!!!

    Bj
    BShell

    ResponderEliminar
  4. É, a sorte dá trabalho...
    Bom fim de semana, Luis.
    Beijos.

    ResponderEliminar
  5. eu gosto de fotografar tudo, com ou sem pessoas.

    esta foto ficou muito bem.

    um bom fim de semana!

    beij

    ResponderEliminar
  6. Gostei do último parágrafo. Fotografar é uma arte mas o "click" quase ao acaso por vezes sai mesmo certeiro e nada arrumadinho.

    Bela foto dum dos locais belíssimos de Lisboa.

    ResponderEliminar
  7. esperei que as pessoas saissem do rectângulo da máquina, Gábi. :)

    ResponderEliminar
  8. talvez nos intimidem um pouco, Blue...

    ResponderEliminar
  9. se dá, Filoxera, é cá uma "canseira". :)

    ResponderEliminar
  10. só gosto de fotografar pessoas distraídas, mas raramente ficam bem, Piedade. :)

    ResponderEliminar
  11. é um dos muitos lugares admiráveis da nossa Lisboa, Helena.

    ResponderEliminar
  12. Também eu: gosto muito de tirar fotografias às árvores, às flores, aos gatos, ao mar, às folhas de outono, à neblina matinal... Mas não a pessoas. Porque será?

    ResponderEliminar
  13. Estive nesse sítio este fim-de-semana :)

    ResponderEliminar
  14. Uma foto muito bela. Eu gosto muito de fotografar, mas não sou lá grande "espingarda" nisso. Eu gosto de fotoos com pessoas. Dão um certo calor humano. Também não tenho paciência para esperar momentos.
    Mas também como deixei escrito atrás não sou boa fotografa.
    Um abraço

    ResponderEliminar
  15. então olhaste Lisboa com profundidade, Laura. :)

    ResponderEliminar
  16. gosto muito de fotografia, Elvira.

    e gosto de falar com "mestres", que me dão sempre algumas dicas importantes.

    ResponderEliminar
  17. somos do mesmo clube, Carol. :)

    ResponderEliminar