terça-feira, fevereiro 18, 2014

A Descoberta da Mulher


Conheço-a há mais de vinte anos, desde os seus tempos de menina.

Assisti ao seu crescimento e a alguns dos seus dramas, de passagem, como a sua gravidez precoce (conseguiu ser mãe uns meses antes de eu ser pai, apesar de eu lhe levar quase vinte anos de avanço...).

O mais curioso, é que nunca deixou de ser menina aos meus olhos, até hoje, quando me cruzei com ela e com a mãe, em que trocámos ambos um bom dia e um sorriso.

Finalmente descobri a mulher, por sinal bem gira. 

Tinha de acontecer depois dos trinta, quando as mulheres realmente se tornam mulheres.

Nós homens temos a vantagem de poder continuar a ser rapazes, ainda para lá dos cinquenta...

O óleo é de Lorraine Lewitzka.

11 comentários:

  1. Os homens enquanto tiverem uma mulher que os ame nunca deixam de ser rapazes! :)

    Abraço

    ResponderEliminar
  2. Enquanto o homem sabe apreciar a beleza da mulher continua a ser um rapaz...
    Um abraço, Luís.

    ResponderEliminar
  3. pois, se calhar até tens razão...

    :(

    ResponderEliminar
  4. quer dizer que aos 80 anos ainda poderei ser rapaz, Graça. :)

    ResponderEliminar
  5. é uma possibilidade, Piedade. :)

    ResponderEliminar
  6. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  7. Há homens que nunca deixam de ser rapazes.
    Um abraço e bom fim de semana

    ResponderEliminar
  8. espero que isso seja um bom sinal, Elvira. :)

    ResponderEliminar