sábado, agosto 26, 2017

De Abril a Agosto...

Em Abril encontrámos a barragem de Idanha-a-Nova com bastante água (mais que em 2016...).

Não estávamos a contar era com um Junho, um Julho e um Agosto, com temperatura acima da média, que acabam por ter influência na "evaporação" da água...

Neste local onde tirei a fotografia, de certeza que está tudo seco e sem este "espelho"...

Só espero é que a vegetação se mantenha intacta, neste ano de tantos "assaltos" ao verde e ao mundo das árvores...

(Fotografia de Luís Eme)

6 comentários:

  1. Respostas
    1. Eu diria, bela paisagem, Laura.:)

      Eliminar
  2. Oxalá não queimem tudo! Que voracidade, para além das temperaturas elevadas...

    Linda foto. Sempre, né?!

    Beijinho.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Este local escapou aos incêndios, Graça.

      (até ver...)

      Eliminar
  3. Belíssima fotografia. De certeza que agora há menos água. Espero que não esteja irremediavelmente seca...
    Uma boa semana, Luís. Um abraço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não está seca, mas há muito menos água, Graça.

      Por exemplo, a ilha existente na< barragem, está separada apenas por um fio de água.... que se ultrapassa sem molhar os pés.

      Eliminar