quarta-feira, novembro 09, 2016

Ora Aqui Está uma Quarta-Feira, Farta em Conversas e Emoções...


Ao cair da noite de ontem fomos surpreendidos pela notícia inesperada da rendição às autoridades de Pedro Dias, conhecido como o "Piloto", o suspeito de dois homicídios que andava a monte há quatro semanas.

E para colocar os especialistas do crime da TVI e CM a "roerem meias de sem abrigo", teve ainda a  lata de oferecer o exclusivo da sua entrega à RTP.

Apesar de se ter tornado quase num "herói" cinéfilo de filmes de acção (provavelmente sem ter saído muitas vezes do "quentinho" de algum lar amigo...), e ser suspeito de todas as peripécias que aconteceram por aqueles lados e descoberto por essa Europa fora, não consigo sentir qualquer simpatia pela personagem.

Compreendo o seu medo de ser apanhado pela GNR e fico à espera das "versões" que se seguem (ele para já diz-se inocente...), em mais uma daquelas "séries" que prometem durar várias temporadas...

Ao começo da manhã outra surpresa (pelo menos para mim...), a vitória de Donald Trump nas presidenciais americanas. A primeira coisa que me apetece dizer é que os americanos só têm o que merecem, que foi nada mais nada menos que aquilo que a maioria dos votantes escolheram.

Claro que gostava de ser surpreendido pela positiva, perceber que afinal ele não é tão "maluquinho" como gosta de mostrar na televisão e descobrir alguém mais inteligente e sensato que o último presidente eleito pelos republicanos...

(Fotografia de Luís Eme)

12 comentários:

  1. Nem mais - "grande" quarta feira, sem dúvida...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pelo menos dá que falar e pensar, Carlos...

      Eliminar
  2. andas a tirar umas fotografias bem catitas, Luís. :)

    não me digas que vês o Correio da Manhã canal...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Achas, Laura? (fixe)

      Como sou da "nos" ainda não me habituei a ideia de ter o canal "8". :)

      Ou seja esqueço-me muitas vezes da sua existência. :)

      Eliminar
  3. Quanto ao Pedro Dias, parece que a imagem dele não condiz com o que afirma. A ver vamos.
    Quanto ao Trump, também gostava de descobrir que aquele maluquinho da campanha era uma estratégia bem montada e que o diabo não é tão mau como ele próprio se pintou.
    Esperemos para ver.
    Um abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também não acredito na versão do "Piloto", Elvira. É demasiado "sul-americana".

      Em relação ao Trump já está grato a Hillary (que queria mandar prender) e a Obama...

      Eliminar
  4. Gosto da tua foto, Luís!
    Almada?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Gosto que gostes, Isabel.

      (é na Trafaria, do interior do presidio militar)

      Eliminar
  5. pois também acho...que foram duas surpresas que não estava à espera.

    :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O "mundo" está sempre pronto para nos oferecer surpresas, Piedade...

      Eliminar
  6. A vitória do Trump foi inesperada. Mas não foi em quem os americanos mais votaram. A Hillary teve mais de um milhão de votos que ele. A sua vitória tem a ver com o sistema de colégio eleitoral.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Ana.

      Sim, e já aconteceu mais que uma vez.

      Mas eu escrevi o texto logo que se soube os resultados, sem se saber ainda a diferença de votos. Aliás, só esta semana é que falaram de uma diferença de mais de um milhão de votos.

      Eles é que sabem, se acham que este sistema é mais democrático. Pelo menos a nós faz-nos um bocado de confusão.

      Eliminar