domingo, agosto 08, 2010

O Futebol Não é uma Guerra

Quem é que é capaz de explicar aos jogadores do F.C.Porto e do Benfica, que o futebol não é uma guerra?

Se o jogo fosse arbitrado por um árbitro decente, não teria chegado ao fim, devido às expulsões devidas aos jogadores das duas equipas.
Infelizmente, todos nós sabemos que enquanto os dirigentes e os treinadores fizerem a apologia da violência, nada mudará nos estádios de futebol portugueses.
(foto do site do "Record")

6 comentários:

  1. assim que percebi que as cenas seguiam esse rumo, mudei de canal, luís... um beijinho e bom domingo!

    ResponderEliminar
  2. Também me pareceu uma guerra e pensei que era por não saber lá muito de futebol...

    ResponderEliminar
  3. e fizeste bem, Alice.

    se virássemos costas a estes espestáculos degradantes, talvez as coisas mudassem...

    ResponderEliminar
  4. não, Redonda, era mesmo uma "guerra", que vá lá, pelo menos não começou com a "guerra de palavras" habitual, que antecede estes jogos...

    ResponderEliminar