segunda-feira, julho 04, 2016

«E como era Ela?»


Um jovem entra apressado no local de trabalho por estar ligeiramente atrasado. 

O chefe tinha o velho hábito de o questionar apenas com o olhar, ficando à espera de uma explicação para o atraso, de preferência próxima dos filmes.

«Cruzei-me com uma daquelas mulheres capazes de parar o trânsito.»
«E como era ela?»
«Loura...»
«Só?»
«Tinha olhos azuis, da cor do mar quando está bonito.»
«E?»
«Trazia um camisolão largo de lã, decotado e melhor ainda, uma mini saia.»
«Camisolão?»
«Sim, mas largo, coisa que fica bem no Verão.»
«Está melhor...»
«Calçava sandálias vermelhas de tacão alto e fino.»
«Mas olha que ainda não a consigo ver...»
«Tinha tudo no sitio. Podia ser uma actriz de cinema ou modelo.»
«Ficou muito melhor...»
«Fumava com estilo, como quase todas as mulheres. E tinha ainda uma outra particularidade.»
«Que particularidade?»
«Trazia um violão.»
«Ela trazia o violão mas tu é que me dás música. Com isto tudo já passaram mais uma série de minutos, vê lá é se vais trabalhar.»
«Está bem chefe.»

O chefe virou costas para esconder o sorriso do jovem, que devia estar a escrever teatrinhos em vez de estar ali a organizar pastas de arquivo...

(Fotografia de autor desconhecido da inesquecível Marilyn)

4 comentários:

  1. Pus a hipótese desta postagem estar relacionada com uma data especial da 'piquena' da foto e fui pesquisar...
    Luís, não sei se foi de propósito, mas a menina que foi a grande embaixadora do perfume mais vendido até hoje (Chanel nº.5, lançado a 5 Maio 1921), nasceu a 1 Junho 1926 e, portanto, teria comemorado o aniversário há cerca de um mês.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Longe disso, isabel. :)

      Até porque primeiro vieram as palavras e depois a imagem (a sua esoolha até me obrigou a alterar o diálogo).

      Eliminar
  2. Gostei. Há chefes assim. E há rapazes que se distraem com as louras. Delicioso!
    Um abraço, Luís.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A imaginação é cá uma coisa, Graça. :)

      Eliminar