sexta-feira, maio 20, 2016

Pantónio a Fazer Arte em Almada




















Há coincidências curiosas.

Hoje ao final do dia fui dar uma volta pelos meus sítios e ao passar pela Casa da Cerca vi um artista a pintar as paredes exteriores da entrada, tirei uma fotografia e continuei, mas depois da curva vi que algo se estava a passar naquele lugar paradisíaco. 

Voltei a trás troquei duas ou três palavras com o artista e pedi-lhe se o podia fotografar. Disse-me que era o Pantónio, podia ver os seus trabalhos na "net" e que sim, podia tirar um boneco.



















Mais tarde fiz uma pequena busca na "net" e descobri que ele nasceu António na Ilha da Terceira e depois de ser muitas coisas, acabou artista e Pantónio.

O mais curioso é que conseguiu deixar os muros exteriores da Casa da Cerca bem mais sujestivos e até fantasmagóricos. Ou seja, ficámos todos a ganhar.

(Fotografias de Luís Eme)

7 comentários:

  1. Luís, há dias eu não disse que tinha de ir a Almada fotografar a street art que há por aí? :)

    (O teu conjunto de fotos está tão bem alinhado; não sei se consigo fazer isso.)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E há muita coisa gira por aqui, Isabel.:)

      Eliminar
  2. :)

    Bem melhor!

    Tanta parede feia e pouco cuidada, consegue desta forma ganhar "vida" :)

    ResponderEliminar
  3. Muito bonito. Actualmente há sítios onde a arte está na rua. Parece ser o caso de Almada.
    Um abraço e bom domingo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E está mesmo, Elvira.

      Este mês tem decorrido uma iniciativa, "Arte em Festa" (que não tem que ver com esta iniciativa), que tem mesmo colocado a arte na rua.

      Eliminar
  4. Eu sabia que o conhecia!
    Já lhe vi uma pintura noutro sítio.

    http://pallasathena-pt.blogspot.pt/2014/11/pantonio-na-2-edicao-do-fusing-figueira.html

    ResponderEliminar