quarta-feira, outubro 10, 2018

As Vozes do Vento...


Normalmente chamo "vozes do vento" aos barbeiros, merceeiros, cabeleireiras, taxistas (embora estes tenham uma postura mais revolucionária - matam e esfolam dezenas de "gatos" enquanto o diabo esfrega o olho) e afins.

Esta minha "adjectivação" deve-se à sua grande prática em falar a "favor do vento".

Se percebem que o cliente é do Sporting, têm o cuidado de mostrar que são benfiquistas moderados (o poster do tetra não engana...), e que sim, o Peseiro tem de ser corrido, que o Bruno é um bandido e vai acabar engavetado.

Se o assunto for mais actual e tiver a ver com o Ronaldo, medem o pulso ao homem ou mulher, se forem "patriotas" estão à vontade, podem desancar à vontade na americana. Se forem "invejosos", a conversa versará mais sobre os milhões, a colecção de carros, a vaidade de querer ser o "melhor do mundo". E claro, a facilidade em "comprar" mulheres e filhos...

Embora já esteja a passar de moda, ainda podem falar da Cristina Ferreira (mais no cabeleireiro, por causa das revistas atrasadas...). Tanto lhe podem chamar "esganiçada" como um "espectáculo" de mulher... 

Tudo isto por causa do vento.

(Fotografia de Luís Eme)

Sem comentários:

Publicar um comentário